5 motivos para você assistir Utopia


O seriado inglês Utopia produzido pela Kudos Film & TV é um dos mais legais exemplos de como a ficção policial nerd pode ser algo com muito mais variantes do que elementos envolvendo naves espaciais e carros cromados.

Utopia conta a história de cinco fãs de quadrinhos que se conheceram por uma página de chat na internet onde eles debatiam sobre a HQ The Utopia Experiments, estranhamente ligada ao grupo The Network. A organização secreta está infiltrada em todas as esferas de poder na Inglaterra, quer por as mãos na The Utopia Experiments II e vai matar um monte de gente para isso.

 

(Spoiler ) A trama se revela uma conspiração envolvendo grupos de fabricantes de remédios que em primeiro momento parecem estar interessados em dinheiro, mas depois descobrimos que a NetWork quer mudar toda a história da humanidade.

 

Imaginem os livros do Robin Cook que trata de ficção científica médica em suas obras, algo como livros  Coma ou Choque, só que bom.

 

1 – Personagens

Eu já esculhambei muito todas as ideias que envolvem personagens caricaturados, mas Utopia segura essa onda com maestria. São caricaturas com motivações plausíveis e que conseguem arrancar alguma simpatia do público por conta das suas histórias de vidas zoadas.

É difícil escolher um personagem preferido apenas, mas eu diria que adorei Jessica Hyde (Fiona O’ Shaughnessy), uma mulher perturbada para valer que parece ter um rosto de robô. Ela é filha do homem que escreveu e desenhou The Utopia Experiments I e II e está sendo caçada pela Network desde criança.

O personagem Arby (Neil Maskell) também é maneiro. Este psicopata sempre faz a mesma pergunta quando captura alguém “ Onde está Jessica Hyde? Dá um bocado de arrepio na nuca. Vale a pena ficar ligado no barulho feito pela jaqueta de couro que Arby faz, dá uma outra conotação às cenas de assassinatos, cara, é outro nível de ambientação.

 

2 – As cores

Raramente seriados possuem uma fotografia que valha a pena ser comentada, mas esse não é o caso de Utopia. As cores que vemos no seriado impressionam até mesmo quem não entende nada de fotografia, artes gráficas e essas coisas, por conta da força que esse elemento tem na trama. As cores são fortes e bem saturadas, tudo muito pop, tudo muito HQs antigas que tinham muito dessa vibe nos personagens desenhados.

 

3 – Suspense bom

Já vi material nerd cuja história é uma teoria de conspiração as pencas. Na maioria dos casos o produto não consegue segurar bem o suspense e a história fica morna em algum momento, em parte acho que Utopia consegue segurar a respiração do público em todos os episódios por conta da curta temporada, 6 episódios por ano.

A verdade é que não existe esse lance de episódio morno em Utopia, espere para fritar a cabeça com os mistérios que envolvem a trama.

 

4 – A trilha sonora

A trilha sonora se integra a história, virando quase um novo personagem, pois o som é muito característico da série, passando uma ideia de algo personalizado para a o produto.

 

5 – Cenas violentas legais

Quentin Tarantino aprova! As cores fortes associadas a personagens alucinados cria imagens de violência muito foda. Aqui não tem “ venho comigo se quiser viver”, mas sim “venha comigo ou eu mato você”. É importante dizer que as cenas são legais, mas também são chocantes, pois algumas delas são promovidas por crianças.

Embora possua essas cenas pesadas, Utopia não é um seriado tão brutal quanto Game of Thrones onde estupros são tão comuns quanto a gripe, mas ainda assim eu evitaria deixar um garoto de 12 anos assistir.

Sobre Cicero Sena (174 artigos)
Jornalista, criador de conteúdo e estranhamente humano (eu acho).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: